2015: uma odisseia no Brasil

image

Por Henrique Santos

Apesar de nenhum título oficial até o momento, o ano de 2015 vem sendo de muito destaque para o Sport, principalmente no planejamento estratégico a longo prazo. No nível operacional, como dissemos, ainda falta um grande título em 2015. Teremos chances de conquistar 2 títulos: Série A e Copa do Brasil ou Copa Sul-americana.

Mas é preferível ter um planejamento em nível estratégico de sucesso a não ter um plano e por acaso ganhar um título esporádico, pois com uma estratégia incorporada, a chance de títulos grandes serem corriqueiros será bem maior.

O Leão vem chamando a atenção de várias mídias no mundo inteiro, destaque na Itália, Espanha, França, Uruguai, Ásia…enfim, ultrapassa os limites do país com um mundo globalizado. Com as exceções de alguns quadrados da imprensa nacional, o que mais nos orgulha é que quando se fala de Sport, não se fala apenas de um ótimo início de brasileirão, mas também da estrutura de primeira qualidade do clube, dos compromissos serem cumpridos fidedignamente, do ambiente profissional e alegre, de uma Diretoria que mantém o planejamento.

Esses aspectos são o que muda um clube de patamar. Ganhar um título como o de 1987 foi importantíssimo e nos enche de orgulho. Idem à Copa do Brasil 2008. Porém, para que esses títulos não sejam esporádicos, e para que a imprensa quadrada não nos trate como zebra, é preciso que o clube evolua em sua estrutura e no seu planejamento, assim, todos os anos entraremos fortes nos campeonatos e passaremos a ser um favorito natural.

Já considero que subimos de patamar este ano, já nos olham como clube pagador, estruturado e organizado. O próximo passo é elevar o patamar financeiro. Uma das principais fontes de renda vem de sócios em dia. Já somos Top 10 no país, mas ainda aquém de nossas possibilidades. Quem sabe 2016 estaremos num patamar mais acima?

Henrique Santos mora em Brasília-DF e integra as equipes da Leões do Cerrado e do Podcast Rápidas no Eu Pratico Sport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *