Cordel – O que os ausentes estão esperando

dscn7705

Por Fábio Brito

 

Não importa se o Sport pela Liberta está brigando
Não importa se na Ilha ele está jogando
O que sinto, é que pra muito torcedores
O que deve importar
E ver o jogo sentado no seu sofá
Ou na cadeira de uma bar

Sei que a Ilha está velha
Desconfortável, e o concreto dói e a bunda assa
Mas deixar de ir pra ilha pra ficar num bar ou em casa
E encher o de cana pra mim não tem graça

Se o time bem está jogando
O que esses ausentes torcedores estão esperando
O todos com a nota um dia voltar?
Ingresso a um real?
Ou o ingresso o Sport doar?
Tem torcedor que não vai pra Ilha, diz porque tá liso
Mas pra tomar cachaça eu duvido, que dinheiro não vai faltar
Só sei que com essas míseras rendas
O Leão está pagando pra jogar

Será que é a crise do País?
Que estamos vivendo
Pode até ser
Mas pra mim é mais o comodismo do torcedor
Que há muito tempo está prevalecendo
Eu fico por aqui
Parabéns aos torcedores que na Ilha sempre está
Não tenho mais nada para teclar
E pelo Sport sempre tudo
Cazá Cazá Cazá

 

Fábio Brito é rubro-negro e mora em Brasília/DF .

O texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Leões do Cerrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *