G4: o pulso ainda pulsa

(Vídeo: Wellington Araújo)

Por Alessandro Matias, via Eu Pratico Sport

O Leão conseguiu vencer mais um grande candidato aos G4 do Brasileirão 2015. Esse grande chama-se Grêmio. Um clube que começou o ano desacreditado, com a sua torcida sabendo da realidade e torcendo apenas pela permanência na primeira divisão. Muito pouco para quem está acostumando com títulos. E isso não se traduziu em realidade.

Falando do jogo, o primeiro tempo foi predominantemente do Sport. Várias bolas na zaga do tricolor gaúcho deram o tom das jogadas do time pernambucano no setor defensivo tricolor.

Entretanto, não dá para dizer que o jogo, no total, foi de uma supremacia rubro-negra. É tanto que, mesmo com uma “superioridade” do Sport, a mais perigosa bola (e com endereço certo) foi defendida pelo Danilo Fernandes ainda no primeiro tempo.

Chegou o segundo tempo e o Sport contou com a falta de experiência do Pedro Rocha, do Grêmio. Com menos um atleta, o time sulista perdeu a força e o jogo se direcionou para o resultado positivo do Leão.

Ao final, um jogo equilibrado e que coloca o Sport ainda no sonho de ser um dos componentes do tão sonhado G4 ou ainda, quem sabe, G5.

Ponto positivo na atuação de André, DS87 e Danilo Fernandes. Por outro lado, Renê e Marlone fizeram uma partida lamentável.

Eu, particularmente, não acredito no G4 baseado em oscilações do time. Contudo, o pulso ainda pulsa e a próxima partida é ainda mais importante do que a vitória de ontem. Todo o jogo, até o final, será decisão.

Alessandro Matias é editor do site Eu Pratico Sport

O texto não reflete, necessariamente, a opinião do site Leões do Cerrado

rodape

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *